Prateleiras para livros em OSB

Há tempos partilhámos esta imagem no Facebook e no Instagram. São umas simples prateleiras, mas fizeram muito sucesso!… talvez por se assemelharem a caixotes, por serem simples, de linhas direitas, por serem de um material diferente, em OSB… não sei, mas o que é certo é que nos fizeram algumas perguntas sobre elas e eu vou tentar responder aqui.
Estas prateleiras fazem parte da área de book sharing do Hostel ImpactHouse e, por isso, foram desenhadas para sustentar livros e à medida de uma pequena parede entre duas janelas.

 

E porquê em forma de caixote e não prateleira simples?

Prateleiras simples, apenas a tábua, não servia, pois tinham que ter laterais (para os livros se poderem encostar). Além do mais precisávamos de quatro prateleiras, logo, oito suportes e esteticamente não achámos grande piada para uma área tão pequena. Hoje ainda são poucos livros mas, com o tempo, virão a ser mais. Deste modo, com duas caixas conseguimos as quatro prateleiras (entre as duas os livros ficam deitados, já que não há laterais).

Mas, então, podiam ficar sem costas mantendo apenas a estrutura exterior, certo?

Não. As costas são o que confere robustez à peça, permitindo colocar-lhes peso e, ainda, fazer uma boa fixação à parede. Para fixar, usámos parafusos a atravessar a placa traseira. Como este material é muito texturado, os parafusos passam despercebidos.

Porquê em OSB?

Este é o material que decidimos usar neste projeto. Usámos também nos bancos, mesinhas, roupeiro,…
É totalmente reciclável, tem uma cor bonita, a textura dá vida às peças, deixa que parafusos passem despercebidos e, por ser composto por sobreposição de camadas de lâminas de madeira, orientadas perpendicularmente umas às outras (daí o mome: OSB – Oriented Strand Board), é muito resistente, estruturalmente denso, dimensionalmente estável, muito durável e com uma excelente relação entre resistência e peso. Facilmente é serrado, lixado, aplainado, furado, colado e suporta verniz e tinta. Apenas há que ter algum cuidado com as farpas, enquanto é trabalhado, antes de lixarmos as zonas de corte. É mais leve do que uma placa de pinho e tem um preço muito competitivo.

Onde se pode adquirir este material?

Em qualquer loja de materiais de construção (Aki, Leroy Merlin, Brico Depôt,…). Nós costumamos comprar na Aglomadeiras do Estoril.

 

Para terminar, o OSB é um material moderno e, definitivamente, uma forte tendência na decoração e design de interiores.

Julgo que está tudo esclarecido. Caso tenham alguma questão, enviem-nos mensagem que nós tentaremos responder. Se acharam este artigo interessante, coloquem um ♥ aí em baixo. É muito importante para nós perceber quais os artigos que mais vos interessam.

Posto isto, beijinhos e abraços e bom trabalho!

Carlota

6 Comentários
  • Maria Fátima Carvalho
    Publicado às 07:37h, 02 Maio Responder

    Gostei muito! Parabéns,

    • Carlota
      Publicado às 08:34h, 02 Maio Responder

      Obrigada! Beijinhos!

  • Maria João sousa
    Publicado às 21:56h, 01 Maio Responder

    É um material muito interessante e bonito. Servirá para forrar paredes expostas em exterior? Obrigada!

    • Carlota
      Publicado às 08:34h, 02 Maio Responder

      Maria João, existem vários tipos de OSB, uns melhores do que outros. Todos são prensados com resina o que os torna resistentes à humidade. Daí a colocar no exterior, sujeito às condições atmosféricas, não sei quanto tempo aguentará. Claro que envernizada ainda aguentará mais. O que é certo é que temos tido uma placa na rua durante todo o inverno (em estado natural e em cima da qual trabalhamos) e o que aconteceu foi que a cor mudou, inchou ligeiramente e não está muito bonita, mas que aguentou, aguentou. 😉

  • Sandra Araújo
    Publicado às 21:07h, 01 Maio Responder

    Cá em casa somos fãs de osb. Temos uma sala multiusos na qual foi utilizado esse material para “forrar” uma parede e para fazer portas de correr para umas prateleiras. Barato, bonito e moderno!

    • Carlota
      Publicado às 08:29h, 02 Maio Responder

      Deve ter ficado bem gira! Concordo com o barato, bonito e moderno!

Publique um comentário