Fronhas renovadas

Malta (mais miúdas do que miúdos…),
ando louca com borlas e pompons!
De qualquer coisa velha e sem graça se faz uma nova, mais divertida! – Lençóis, mantinhas, fronhas de almofada, sacos de pano, tapetes (como este)… e até nas maçanetas das portas!
A propósito do último artigo houve quem tivesse pedido para ver melhor as tais almofadas, às quais acrescentei umas borlas pretas.
Pois aqui está o que fiz!

 

Comprei as borlas numa casa chinesa (mas também devem encontrar em retrosarias) – existem em diversas cores – e isto ↓ é tudo o que precisam para uma nova almofada “qui coisa mais linda, mais cheia dji graça”:

 

 

A fronha já estava arrumada há meses. Já não me encantava… e julgo que, não fosse esta feliz ideia, era das próximas coisas a saltar cá de casa.
Bastaram cinco minutos (vá, dez…) para cozer as borlas aos cantos da fronha (e olhem que eu sou péssima na costura) e não foi preciso mais nada para cair novamente de amores por ela. ♥

 

 

2€, foi em quanto me ficou, para duas fronhas de almofada destas. Agora, até já nem sei se faça o mesmo à colcha e volte a juntar mãe e filhas. Já estou a ver o quarto… ficaria o máximo!
Fico entusiasmada quando destralho, mas também fico muito feliz quando consigo dar nova vida a alguns dos nossos bens já esquecidos. Estas 52 semanas de destralhanço estão a ter este efeito em nós: voltámos a olhar para muitos dos nossos objetos com outros olhos.

Por falar nisso, estamos no fim do mês. Hoje fui deixar mais uns caixotes e sacos no Centro Paroquial e amanhã deixarei mais uns quantos na loja social do Século. Uhuuuu!
Querem saber o que destralhámos este mês? Vou tratar desse artigo, para partilhar.

Bom fim-de-semana (para quem o tem) e boas férias (para quem está de férias)!
Ah! E se gostaram deste artigo, não se esqueçam de colocar um Like, aí em baixo ↓ ♥.

Carlota

 

Sem Comentários

Publique um comentário