E pronto, mais uma novidade!
Os nossos bichinhos já têm um novo comedouro, feito por nós, especialmente para eles!
Fizemos esta peça num dia. É muito simples, mas há que ter algumas ferramentas.

A gataria aprovou… e nós estamos felizes.

Temos dois gatos, o Luke e a Mifi – Luke, o terrível e Mifi, a princesa. O Luke é o mais novinho, tem apenas 9 meses e é um louco, muito asneirento. Uma das suas muitas manias, desde sempre, é meter as patas na tigela da água e entorná-la pela cozinha fora; outra, é puxar para si a tigela da comida, afastando-a da Mifi (pobre princesa!). Por isso, tivémos que arranjar logo uma solução que o impedisse de andar com as taças pela cozinha…
Uma tarde, com meia dúzia de pregos e uns pedaços de madeira, o Eme “esboçou” um móvel para segurar as tigelas. De lá para cá, tem estado em testes e já houve necessidade de fazer um pequeno ajuste, com molas, que vêem na fotografia.
Uma vez que já passaram uns 5 meses neste estado… julgo que a peça está mais do que testada… na minha opinião, só tem que levar 3 tigelas (ração seca, húmida e água), a tábua superior tem que ser pintada e bem lacada (para ser resistente à água) e está feito!

Pois, na realidade, nesta casa somos mais do que três. Contando com a Mifi e o Luke, somos cinco a sujar!
Os gatos habitam no atelier, local onde passamos a maior parte do dia. São a nossa companhia, a companhia dos nossos colaboradores e, nas horas de maior aperto, são quem nos ajuda a descontrair… Entre um desenho e outro, há sempre tempo para uma festa, uma brincadeira… uma asneirada, também.
O Luke é o nosso gato mais pequenino, perito na asneirada!! Trepador, curioso, brincalhão, anda sempre de roda de nós.
Ao domingo de manhã, enquanto é feita a limpeza do atelier, estes gatinhos têm direito a subir até nossa casa. Foi num destes domingos de primavera que o Luke achou que devia marcar o seu território nos tapetes do nosso quarto.