Como fechar a caixa do estore

Estore removido e parede como nova!!!!! Uhuuuu!!!
Mais uma tarefa da nossa listinha de 52 projetos para 2017 concluída!

(Sim, é verdade que não estamos nada adiantados no nosso grande desafio para este ano, por isso ficámos contentes por dar mais este passinho…)
Afinal esta tarefa não demorou apenas um fim-de-semana. Nunca nada é tão rápido quanto gostaríamos… Ainda assim, foi mais fácil do que imaginámos. Parece um contrassenso, certo? Mas não é. Na realidade, retirar a caixa de estore, fechar o buraco de acesso ao exterior, isolar, colocar o gesso cartonado, depois a massa e, por fim, pintar, foi tudo muito mais fácil do que imaginávamos… demorou foi muito, devido aos tempos de secagem da massa (pois tivémos que pôr em grandes quantidades e por três vezes, já que ela vai criando pequenas frestas à medida que vai secando)! Ou seja, ultrapassámos o fim-de-semana e tudo o que toca a massa e pintura fomos fazendo durante mais três dias (antes ou depois do trabalho no atelier).

 

Fizemos um vídeo com todo o processo, e tirámos fotografias para deixar aqui.

 

Cá está! Começámos por retirar a caixa, o estore e a fita do estore.

 

Colocámos uma placa de madeira por fora, a tapar o buraco de acesso ao exterior e enchemos o buraco com cimento.

 

Colocámos umas traves de madeira (com cola, ou melhor, resina epoxy, ou bucha química), que servirão para fixar o gesso cartonado; colocámos lã de rocha (para melhor isolamento) e fechámos com o gesso cartonado (com parafusos próprios para este material). Fechámos também os buracos onde se instalava o rolo da fita do estore, claro.

 

Enchemos todos as reentrâncias, buraquinhos e juntas com massa (gesso). A fita de acabamento para gesso cartonado é essencial, pois não deixa criar fissuras (e ajuda a disfarçar as juntas). Coloca-se ao mesmo tempo que a massa, ainda fresca.

 

Após o gesso secar já se pode lixar.
Este trabalho nunca fica à primeira… é natural que apareçam frestas e que a superfície ainda não esteja completamente lisa (já que a primeira camada de massa é colocada mais para tapar os buracos do que para ficar direitinha), por isso há que retocar com mais gesso, deixar secar novamente, voltar a lixar,… e voltar a repetir até obtermos uma superfície bem lisa.

 

E já se pode passar à pintura!

 

Feito!

 

Querem fazer o mesmo?
Dêem uma espreitadela no vídeo!
Bom trabalho!

Carlota + Eme

 

Sem Comentários

Publique um comentário